Memorização de Nomes e Fisionomias

Pense na seguinte situação. Alguém se aproxima de você numa festa e diz:

– Olá Silvio! Como vai? Que prazer enorme encontrá-lo. Esta semana estava falando em casa que precisamos tomar algum suplemento para aumentar o foco e a memorização para podermos reconhecer as fisionomias das pessoas.

Translúcido e ruborizado ao mesmo tempo você olha para aquele rosto, sorri desconcertado e pensa:- Quem é essa criatura?…enquanto a sua mente busca desesperadamente no seu CODIS a identificação do elemento. E nada!

Como se lembrar de fisionomias
memorização de fisionomias

Sem perceber o seu desespero o sociável amigo continua:

– A minha filhinha, a Beatriz, estes dias perguntou como vai a Rhadassa sua filha. Disse que queria brincar com a amiguinha dela! Eu não deixei, pois não tinha tomado naquele dia nenhum remédio de memorização.

Entrando no auge da loucura e mais vermelho do que pimentão maduro você desiste. E diz:

– Olha…nem sei como dizer…mas, qual é mesmo o seu nome e… quem é você? Trágico como possa parecer é isso o que acontece com muitas pessoas todos os dias. E aí se perdem relacionamentos e negócios.

Memorizar os nomes e fisionomias das pessoas que conhecemos é tão importante quanto passar num vestibular. Às vezes mais importante.

E a tarefa pode ser mais fácil do que você imagina. Eu pessoalmente gosto de perguntar sempre o sobrenome da pessoa. E quanto mais esquisito melhor. Talvez eu até me esqueça do nome. Mas, o sobrenome com certeza eu lembrarei.

Outra dica, mas cuidado: Tente perceber alguma característica marcante na pessoa. Um nariz acentuado, orelhas de abano, estilo de vestimenta.

Associe a pessoa com seus contextos: trabalho, família, escola, amigos.

Associe a pessoa a classificações pessoais: simpática, chata…

Associe a pessoa a outra que você conhece com o mesmo nome [pois não tomamos ainda um suplemento efetivo para a memória] e como que crie uma lista alfabética de Antônio, Bartolomeu… Associe a pessoa a outra que ela esteja ligada e de quem você gosta mais ou tem mais intimidade. Por exemplo, a Ana esposa do Pedro.Com estas dicas você dificilmente passará pela situação constrangedora descrita no início.

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *