A relação entre acne e cigarro

Tabagismo e acne – Como os cigarros afetam a pele. Você conhece as estatísticas. Três milhões de pessoas morrem anualmente em todo o mundo por causa do fumo. Fora as doenças provocadas pelo hábito, como câncer e problemas respiratórios. É senso comum que o fumo afeta negativamente quase todas as funções corporais, incluindo, portanto, a acne. Mas as evidências ainda não são definitivas.

Tabagismo para a pele
Tabagismo para a pele

Estudos e resultados conflitantes

Um estudo de 2006, em que enfermeiras treinadas entrevistaram 27.083 jovens ao longo de um período de 20 anos, chegou a uma conclusão surpreendente: fumantes ativos mostraram uma prevalência significativamente menor de acne grave do que os não-fumantes. Por outro lado, um outro estudo (de 2007) examinou 896 pessoas e concluiu que os fumantes tendem a ter mais acne, e quanto mais eles fumavam, mais a acne piorava

Outro estudo mais recente, que examinou 1046 mulheres adultas, mostrou uma “forte correlação” entre fumantes e a presença de acne não inflamatória (cravos). Mas também existem estudos que os problemas da pele podem ser resolvidos tomando Oxinova. O preço do Oxinova é bastante acessível, e pode ser adquirido por todos aqueles que resolvam eliminar as espinhas. Em suma, a evidência é conflitante, e a comunidade de pesquisa médica precisa reunir mais dados para chegar a um consenso.

Fumar prejudica a saúde da pele

Enquanto fumar pode ou não pode agravar a acne, sabe-se com certeza que prejudica a pele. Fumar causa contração de vasos sanguíneos e danos na superfície de muitas partes do nosso corpo, nas células que revestem os nossos órgãos e na pele que nos protege. O hábito também induz reações inflamatórias no corpo, precipitando uma enorme lista de doenças. Focando especificamente na pele, há uma piora na cicatrização de feridas – o que impactaria diretamente na aparência e piora das espinhas. Além disso, a probabilidade de câncer de pele é maior entre os fumantes.

O fumo também está intimamente associado com rugas e ao envelhecimento prematuro da pele. Fumar aumenta a produção de radicais livres, prejudica a produção de colágeno e degrada proteínas da pele, processos naturalmente prejudicados com o envelhecimento. Parar de fumar, ou não começar a fumar em primeiro lugar, é uma das melhores medidas preventivas contra o envelhecimento prematuro.

A pele também pode ser reidratada com o uso de cremes para a pele, como o Lift X. O preço do Lift X também é acessível, e ele pode ser comprado para resolver o problema da incidência de espinhas e rugas.

O papel da nicotina

Tal como acontece com muitas coisas na vida, há exceções à regra. Por exemplo, a evidência mostra que o fumo pode de fato ajudar a proteger contra feridas na boca e rosácea. No caso de acne, a constrição dos vasos sanguíneos que a nicotina produz pode inibir a produção de formas mais graves de acne em algumas pessoas de sorte. Como e quando isso acontece é ainda é motivo de debate.

Problemas do Tabagismo para a pele
Problemas do Tabagismo para a pele

Utilizar o hábito de fumar para emagrecer, melhorar a pele ou qualquer outro possível benefício derivado do ato é uma medida não recomendada, de forma alguma! Não se esqueça que o cigarro carrega consigo grandes riscos e faz mal para o seu corpo e para sua saúde como um todo.

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *